sexta-feira, maio 04, 2007

Eis um belo passatempo pra você imprimir e divertir-se a tarde inteira. Chama-se Sódocu, e o objetivo é preencher os espaços vazios com um dos quatro elementos desenhados. As regras são simples: nenhum desenho pode se repetir na mesma linha ou coluna, e também dentro do quadrado de quatro espaços.

Preparados? Pois chame toda a família para jogar esse maravilhoso quebra-cabaços, digo, cabeças!





Minhas férias


por
Edgar Allan Poe


Como sempre, nossa família alugara a velha casa no litoral, perto do pier e ao lado do cemitério dos marinheiros. As férias daquela temporada seriam as primeiras desde que meu amigo Billy morrera de tifo, e distavam apenas uma semana da fatídica data em que mamãe enlouquecera por completo. Por causa desses fatos, eu sabia que nada seria como antes: mamãe não faria mais seus deliciosos doces e meu amigo Billy, felizmente, não comeria toda a fornada antes que eu tivesse tempo de entrar na cozinha. Mas lá fora o céu brilhava e o vento frio do oceano revolvia meus cabelos. A vida era boa.

Pela manhã, costumava fazer longas caminhadas à beira mar. Numa das incursões, achei um recipiente encalhado logo na linha da maré. Aproximei-me e vi que o grande pote de vidro continha uma cabeça humana. Corri pra casa e fui avisar meu pai, que naquele momento deveria estar fazendo nosso almoço. Ao chegar em casa, silêncio. Comecei a ter um mal pressentimento que subitamente, se confirmara da pior maneira possível: papai estava fazendo aspargos com páprica para o almoço, e eu detesto aspargos. Contei-lhe sobre a cabeça humana achada na enseada e ele olhou-me muito sério. As palavras que pronunciou, tenho certeza, irão me assombrar pelo resto da vida. Ed - ele continuou; - o que é uma enseada?

Recolhemos a cabeça e decidimos enterrá-la no cemitério no topo da colina. Papai tinha uma vida pregressa suspeita, da qual pouco falava - suficiente dizer que ele não podia mais entrar em nenhum prostíbulo de Boston. Portanto, ele queria evitar perguntas embaraçosas e principalmente, a presença da polícia. Durante a madrugada, pulamos a cerca de madeira do cemitério e começamos a cavar uma cova rasa. Mal a pá crivou a areia, percebemos a presença de um vulto que se esgueirava por entre as lápides. Enregelados de pavor, vimos que a tal criatura não tinha cabeça e vinha em nossa direção. Só depois percebemos que a figura em questão era o zelador do cemitério, que no período do dia era acrobata do circo e naquele momento, andava com as palmas das mãos no chão para praticar.

Mas isso só soubemos depois. Assim que o torpor nos abandonara, corremos para casa e fizemos as malas, voltando para a cidade naquela mesma manhã. Pelos jornais do dia seguinte, vimos que fora achada uma misteriosa cabeça deformada nas encostas do cemitério, e o pobre zelador, condenado por assassinato. Mesmo implorando clemência e alegando ser inocente, ele foi enventrado, empalado, desmembrado e guilhotinado. O rigor na execução deu-se por causa da compra de novos instrumentos de suplício pela prefeitura, que viu nisso uma boa chance de testar toda a aparelhagem, já que tudo fora comprado numa liquidação.

Ainda não sabemos de quem era aquela cabeça, nem o motivo pelo qual o pobre homem fora assim dividido. O que sei é que passei o resto das férias trancado em casa, e em meus sonhos, esqueletos decapitados vinham me assombrar. Decidi que nas férias do ano que vem não irei mais atracar em praias infestadas de corpos, mas sim, na fazenda de meu tio Ebenizer, que tem um vasto milharal atulhado de belos corvos pretos. Talvez eu escreva algo sobre eles, algo mais ameno, numa próxima oportunidade.

--------------------------------------------------------

Update quinta feira, 10 de maio 2007:

Olhaí, o Olinto resolveu o Sódocu magistralmente! Que tal?

5 Comments:

Blogger Edge said...

de conviver com os Asiáticos, acho que fiquei tambem conservador. Não é todo dia que vejo um bráulio desenhado na minha tela :) mas a sacada de modificar o jogo é muito boa:) Fosse eu o desenhista, usaria bustos de biquini.

que tal fazer um dia especial no blog? tipo todo sábado uma musa desenhada de bikini?

8:40 PM  
Anonymous Quinho said...

O Sódocu foi sensacional!

11:24 AM  
Blogger Hemeterio said...

Edge; Quinho;

Também achei que peguei pesado, mas é que tô treinando prum livro novo. Pisc!

Vou sim fazer um especial sobre erotismo, rerere.

11:39 AM  
Anonymous ollie said...

EASIEST. SODOCU. EVER.

Clique para ver a solução.

7:36 AM  
Blogger Hemeterio said...

Massa, Gaudi, confere aqui meu update!

2:49 PM  

Postar um comentário

<< Home