segunda-feira, julho 16, 2007

Domingão de sol forte, fui com meu primo e meu irmão ao Parque do Cocó, uma espécie de Central Park de Fortaleza.


O parque tem mais de 18ha de mangue preservado, incrustrados no meio da cidade. Apesar de precário ainda, tem o potencial de virar um Parque do Ibirapuera cearense, se continuarmos a cuidar bem do espaço.


Assim que a preguiça me abandonar, vou ver se eles fazem trilhas noturna, sob a lua cheia. Hein, hein? Esse cenário deve assustar à noite. Só falta o frio e o fog, não?


Essa laguna enche de acordo com a maré e as chuvas. Nossa temporada de chuvas já acabou, para só recomeçar em setembro. Vou ver se tiro outra foto quando as coisas estiverem mais molhadinhas.


Reparem nas raízes aéras. Sinal que essa trilha fica inundada em certas épocas do ano.


O povo usufruindo a cidade! É bem verdade que depois do racha (pelada, em cearês) eles vão relaxar assaltando motoristas, mas quem liga?


Essa avenida corta o parque em dois. A outra banda é mais selvagem, não tem as trilhas definidas, mas em breve tudo deve ser unificado. Essa outra metade se estende até a praia, coalhada de dunas. Até eu, que detesto sol e areia, acho bonito.