quarta-feira, novembro 17, 2010

Live from NYC

Tô passando as férias em Nova York, é tanta coisa pra comentar que nem sei por onde começar. Bom, algumas fotos e umas legendas devem falar por si, vamos lá.
Ao fundo, é claro, o Empire State, desde 1933 o prédio mais alto da cidade - mas as Torres eram mais altas. A temperatura estava agradadilíssima, acho que em torno de quinze graus. Mas os newyorkers estavam todos empacotados, fico imaginando quando nevar, vão todos usar escafandros?
A loja da Apple na Quinta Avenida é a quintessência do que é ser chique. Um cubo de vidro estrutural, um cartão-postal tão icônico nessa categoria que só tem como contraponto a pirâmide do Louvre. Belo, chique, elegante, vai colocando aí seus sinônimos. Embaixo, uma loja amigável onde todo mundo se sente em casa. Onde compro ações da Apple, agora!

E o momento sacrossanto da visita a NYC. Uma passada no Memorial ao John no Central Park, em frente ao famigerado Dakota. Essa rosa estava lá quando chegamos, nem a ventania braba do outono tirou-a dali. NYC é uma cidade capaz de gerar beleza e estupidez na mesma intensidade, impossível não se revoltar com a morte de um gênio e um pacifista. Se vivo fosse, ele estaria, aos 70 anos,  jogando merda nos turistas que sem exagero, se amontoam o tempo todo na esquina da W72 com West Side. Eu não queria sair dali, olhem mais essas, por favor:

Vou tentar atualizar durante a viagem, e liberar algumas das literalmente centenas de fotos aos poucos. Té mais!

4 Comments:

Anonymous Edge said...

Muito bacana! NY eh meio q assim com uma cultura de street fashion ne?
Voltando um pouco a fita? Como foi a viagem? E na imigracao na hora do passaporte?

5:06 AM  
Blogger Hemeterio said...

Em NYC cada maluco se veste do jeito que quiser, e ninguem da a minima. alias, da sim. uma velhinha puxou conversa comigo, perguntou se eu na estava com frio, pois andava so de camisa e calça, rerere.

na imigracao foi de longe, e espero, o momento mais tenso da viagem. mas deu tudo certo, nao frescaram com minha cara de saudita nem com meu sotaque. acho que a entrada por charlote, NC, foi a decisao correta. no JKF a coisa é barra pesada, mas...essa porra é aleatoria, tu sabe. Hoje eu dei sorte.

5:31 AM  
Blogger Nanael Soubaim said...

Devem ter achado que tua cara de saudita era óbvia demais para ser verdade.

Se encontrar Audrey Hepburn, dê um abraço. Se der um pulo até Rochester e encontrar Audrey Mica Mancada, dê um abraço duplo.

3:08 PM  
Anonymous Big Dick Vigarista said...

Porra, essa praça é do caralho, hein
Nem parece aquelas porras quengadas da famigerada praça da Gentilândia, em que eu costumava tomar umas caninhas de leve com a moçada da faculdade mais o Nelson, mendigo pós-doutor em Filosofia e morador do Mira Y Lopez Residencial Club.

7:23 PM  

Postar um comentário

<< Home